Cursos específicos para BACEN e CVM contato@macetesparaconcursos.com.br
Av. Brig. Faria Lima, 1.461 - 4o Andar - São Paulo/SP

 

RECEITA e BACEN:   Um sinal de fumaça!

 

Importante:   Antes de seguir com a leitura, siga as instruções abaixo:   

Caso 1) Se você já é nosso aluno ou se não é mas já vem estudando:   ESTUDE! Siga em sua programação de revisões e leia o texto a seguir;

Caso 2) Se você acredita que o que temos para dizer se trata de mais um esforço de vendas de um cursinho:             Relaxe, interrompa a leitura e vá se divertir.

 

Uma Informação; duas Fontes...

A Informação:                  Paulo Guedes sinaliza positivamente para a Receita Federal.

Fonte 1                             Em Janeiro de 2021, em uma de nossas tentativas mensais de obter alguma informação que valesse a pena a divulgação, ouvimos de um dos deputados envolvidos na Reforma Administrativa que o Governo iria autorizar alguns concursos de maior importância tão logo fosse aprovada e publicada a Reforma Administrativa.

Segundo ele, sai primeiro a Receita Federal e, depois, os “restantes”.

Quando perguntamos sobre quais são esses “restantes”, afirmou que o que o Governo se refere ao “Serviço Público de Importância”. Nós do Curso MACETES acreditamos que o nosso BACEN esteja inserido nesse “Serviço Público de Importância” devido a todas as atribuições que ganhou como sua Autonomia  (LC-179 de 24-fev-2021), COAF (concorde você ou não que foi uma coisa boa mas, hoje, está sob a responsabilidade do BACEN o COAF), Open Banking, Cryptos, PIX, novas regulações ainda por serem feitas e por toda sua incumbência institucional.

Fonte 2                             Em live feita no dia 25-fev-2021 pelo canal do Curso Estratégia no YouTube, o professor Rubens Maurício, da Receita Federal do Brasil, divulgou sobre a sinalização de Paulo Guedes à cúpula da Receita Federal. Por mensagem de texto, nos respondeu. In literis:

“Bom dia, Erick. Tudo bem? Não temos ainda muita informação. O que recebemos foi uma informação da cúpula da RFB que informou que o Ministro da Economia teria sinalizado positivamente para um concurso da Receita ainda esse ano, pelo menos para cobrir as fronteiras. Assim que souber de algo mais concreto te passo.”

Em resposta a um questionamento do prof. Erick Mizuno (Macetes).   Ver em https://www.youtube.com/watch?v=i_2XdRavxYk&feature=youtu.be

 

Sobre o próximo concurso para o BACEN, por ora, podemos afirmar que:

1) Contemplará as ‘Atividades Típicas de Estado’. De acordo com o Decreto dos Concursos Públicos (DECRETO Nº 9.739, DE 28 DE MARÇO DE 2019, Art. 6º, inciso II) serão priorizadas as “Atividades Finalística” (Atividades Típicas de Estado). Não somente de acordo com este decreto mas também com as falas do ex-ministro Paulo Uebel e do atual ministro da economia Paulo Guedes;

2) Vagas somente para São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília (não haverá mais vaga para regionais);

3) O quantitativo será o mesmo dos pedidos anteriores: 200 vagas para analistas, 30 para técnicos e 30 para procuradores (formação em direito);

4) A banca não foi escolhida  (mas adoraríamos que fosse a FGV!);

5) Segundo o presidente do BACEN, Roberto Campos, (em conversa com o presidente do sindicato SINAL, Paulo Lino) confidenciou que, após este concurso, esperam-se concursos mais frequentes porém menores; coisa que vemos com muito bons olhos;

6) As tratativas acerca dos concursos (BACEN, Receita, STN, dentre poucos outros) estão em nível ministerial ou de cúpula. Ainda não chegaram nas ‘rádios peão’ dos órgãos!

 

Finalizando...

Qualquer concurso só sai após a Reforma.

A Reforma sairá neste ano de 2021.

Todos (exceto a oposição) querem tal Reforma. Ela sai.

Segundo o deputado, 2022 tem eleição para Presidente e o presidente Bolsonaro irá “presentear” o funcionalismo com concursos para o executivo federal para agradar à categoria e aliviar o clima de tensão imprimido por Paulo Guedes.

 

 

 

São Paulo, 01 de março de 2021.

 

Curso MACETES